Ações

Ĩobúguacû ou R. Fermo∫o

De Atlas Digital da América Lusa

Coleção Levy Pereira


Ĩobúguacû ou R. Fermo∫o

Rio com barra no Oceano ao sul da 'I S Aleyxo' (Ilha de Santo Aleixo).


Natureza: rio.


Mapa: PRÆFECTURÆ PARANAMBUCÆ PARS BOREALIS, una cum PRÆFECTURA de ITÂMARACÂ.


Capitania: PARANAMBVCA.


Nomes históricos: Ĩobúguacû (Iobuguaoû; Iobuguaçu; Jobiguaçú); R. Fermo∫o (R: Fermoso; Rº. fermoso; R: Formoso; Rº. FԐrmosa; R. ƒormosa).


Nomes atuais:

  • Rio Formoso, no baixo curso;
  • Riacho Vermelho, no alto curso.

Citações:

►Mapa PE (Albernaz, 1626/1627), plotado, 'R: Fermoso', barra ao sul da 'ILHA DE S. ALEIXO'.

►Mapa PE-C (IAHGP-Vingboons, 1640) #40 CAPITANIA DE PHARNAMBOCQVE, plotado, 'R. ƒormosa', 'Rº. FԐrmosa' na cabeceira, barra ao sul da 'I. St AlԐxo'.

►Mapa Y-31 (4.VEL Y, 1643-1649) De Cust van Brazil tusschen Rio St. antonij Mimijn ende Cabo St. aúgústijn, plotado, 'Rº. fermoso:', com barra ao sul da ilha marítima 'St. Alexo'.

►Mapa PE (Orazi, 1698) PROVINCIA DI PERNAMBVCO, plotado, 'Iobuguaoû ou R. Fermoso', barra ao sul da 'I S Aleyxo'.

(Sousa, 1587), pg. 60:

"De Maracaípe ao rio Formoso são duas léguas, o qual tem um arrecife ao mar defronte de si, que tem um boqueirão por onde entram navios da costa, o qual está em nove graus, cuja terra é escalvada mas bem provida de caça.".

(Laet, 1637):

@ Interrogação de Bartolomeu Peres, e situação ao redor e perto de Pernambuco, tanto ao sul como ao norte, pg. 129:

"Duas léguas além de Santo Aleixo está o rio Formoso, com 20 pés de profundidade na entrada. Dentro dele navega-se um pouco ao sul dos escolhos até diante da desembocadura do rio, onde geralmente é mui profundo. Aqui, depois da conquista de Pernambuco, diversos navios carregaram seiscentas a setecentas caixas de açúcar, mas diante do rio, e trazidos por barcos. Lá há três engenhos, e sem fortaleza.

Quatro léguas além encontra-se o rio Una, com pouca profundidade na embocadura.".

@ Descrição do Brasil desde o Recife de Pernambuco ao sul até o Rio São Miguel, pelo capitão Willem Jansz, pg. 171:

"Mar adentro em frente de Serinhaém está a ilha de Santo Aleixo. ... Duas pequenas léguas a sul desemboca o Rio Formoso. A entrada é entre dois recifes, com uma profundidade de 13 pés, no máximo. É um belo rio que produz bastante açúcar. Um pequeno trecho rio adentro, os portugueses tiveram uma pequena fortaleza com 4 peças, a qual foi conquistada pelos nossos e demolida em parte, levando a artilharia e depois abandonando o fortim. Quem quer entrar aqui, oriente-se por um morro calvo com três árvores. Ao vê-lo também verá outro morro ao sul do primeiro mencionado, de cujo lado do norte encontra-se uma árvore isolada de todas as demais. Mantenha-a a oeste e dirija-se à árvore até ter passado o recife do sul; depois dirija-se a sul até ter o rio aberto e poderá entrar quando quiser. A três léguas do Rio Formoso pela costa a sul-sudoeste está o Rio Una.".

(Nassau-Siegen; Dussen; Keullen - 1638):

@ pg. 78:

"PORTOS DE PERNAMBUCO

... Tem, também, rios próprios para barcos e embarcações pequenas, como o das Jangadas, de Sirinhaém, Formoso, Una, Camaragibe, Santo Antônio Grande, as Alagoas, São Miguel e Rio São Francisco, o qual, apesar de ser um grande rio, não tem barras ou portos capazes. ...".

@ pg. 79:

"A 5 milhas daí se encontra o rio Una, demorando entre este e o rio das Pedras a bela baía da Barra Grande, e 2 milhas ao Norte do Una o rio Formoso. Uma milha e meia depois vem o rio Sirinhaém, ...".

(Dussen, 1640), pg. 140:

"RIOS DE PERNAMBUCO

Além dos que já foram referidos acima, ainda há, na extensão do litoral de Pernambuco, muitos rios navegáveis em ambas as direções para barcos costeiros, a saber: rio das Jangadas a 4 milhas ao Sul do Recife, rio Sirinhaém, rio Formoso, rio Una, ...".

(Margrave, 1640), ITINERÁRIO, pg. 200, registra que os caminhos:

- do 'Povoado de Santo Amaro', até o 'Rio Jobiguaçú ou Rio Formoso', percorre-se em 1 5/8 h;

- do 'Rio Jobiguaçú ou Rio Formoso', que se atravessa a vau, até o 'Engenho do Rio Formoso', não se gasta tempo em percorrer, significando que esse engenho situa-se à margem do rio.

(Câmara Cascudo, 1956), pg. 182:

"O rio Mombucaba é imediato. Pela foz alargada vem o Iobuguaçu ou Rio Formoso, com a Barra do Frade, à esquerda, junto a Nossa Senhora do Guadalupe. O Rio Formoso tem à esquerda o Iaciri e à direita o Aracondá, com o sub-afluente, o Iagoa.".

(Melo, 1931), pg. 201:

"IOBUGUASSU — (Antigo nome do Rio Formoso)—Corr. y-obi-guassú, grande rio verde — A. C.".






Citação deste verbete
Autor do verbete: Levy Pereira
Como citar: PEREIRA, Levy. "Ĩobúguacû ou R. Fermo∫o". In: BiblioAtlas - Biblioteca de Referências do Atlas Digital da América Lusa. Disponível em: http://lhs.unb.br/atlas/%C4%A8ob%C3%BAguac%C3%BB_ou_R._Fermo%E2%88%ABo. Data de acesso: 4 de abril de 2020.


Baixe a referência bibliográfica deste verbete usando

BiblioAtlas recomenda o ZOTERO

(clique aqui para saber mais)



Informar erro nesta página