Ações

Faro

De Atlas Digital da América Lusa

Faro

Geometria Ponto

Histórico

Denominação Início Término
Aldeia Jamundá de São João Batista
Populacao > Aldeia
por volta de 1750 1768
Faro
Populacao > Vila
1768 1808

A Vila de Faro tem sua constituição iniciada a partir da instalação e ofício dos padres capuchos da Piedade ou de São José na região.[1] Inicialmente foi Aldeia Jamundá de São João Batista, nome recíproco aos índios aldeados, a criação da missão deve ser considerada após 1693 devido ser nesse ano a chegada dos capuchos no Grão-Pará.[2] Precisamente se desconhece a data da criação da Freguesia da localidade.

A missão de Jamundá pode ter sido elevada à categoria de Vila em 21 de dezembro de 1758, mudando o nome para Faro[3], porém há outra versão que atribui tal acontecimento a data de 21 de dezembro de 1768 junta a instalação do pelourinho na localidade.[4]


Referências

  1. FERREIRA, João Carlos Vicente. Cidades do Pará: origem e significado de seus nomes. Belém. 2003.
  2. LOUREIRO, Antônio José. Síntese da história do Amazonas. Manaus: Imprensa Oficial, 1978.
  3. LOUREIRO, Antônio José. Síntese da história do Amazonas. Manaus: Imprensa Oficial, 1978.
  4. FERREIRA, João Carlos Vicente. Cidades do Pará: origem e significado de seus nomes. Belém. 2003.



Citação deste verbete
Autor do verbete: Manoel Rendeiro
Como citar: RENDEIRO, Manoel. "Faro". In: BiblioAtlas - Biblioteca de Referências do Atlas Digital da América Lusa. Disponível em: http://lhs.unb.br/atlas/Faro. Data de acesso: 16 de dezembro de 2018.



Baixe a referência bibliográfica deste verbete usando

BiblioAtlas recomenda o ZOTERO

(clique aqui para saber mais)

Informar erro nesta página