Ações

Fort Pº Calvo

De Atlas Digital da América Lusa

Coleção Levy Pereira


[Fort Pº Calvo]

'Fort Pº. Calvo' no MBU.

Forte na m.e. do 'Mongaguaba' (Rio Manguaba), a montante de uma ilha fluvial neste rio.

Não mapeado no mapa Brasilia qua parte paret Belgis (BQPPB). Mapeado no mapa Maritima Brasiliæ Universæ (MBU).


Natureza: forte.


Mapa: PRÆFECTURÆ PARANAMBUCÆ PARS BOREALIS, una cum PRÆFECTURA de ITÂMARACÂ.


Capitania: PARANAMBVCA.


Nome atual: está destruído.


Nomes históricos: Fort Pº. Calvo; Forte Bom Sucesso; Forte de Bom Sucesso do Porto Calvo; Forte Boaventura.


Notas:

O BQPPB plota, sem nome, um forte na ilha a sudeste da povoação 'N S ᵭ Pre∫entaçaon ou Pouid4enos ou do Pto. Caluo' (Porto Calvo-AL), e por isso, esse forte na ilha é identificado como o Forte Bass - vide 'F. Bass'.

Tecnicamente, o BQPPB, não plota o Forte Porto Calvo, que é a fortificação principal do sistema de defesa da Vila do Bom Sucesso de Porto Calvo, vila situada entre o Rio Manguaba e o rio Comandatuba, junto à confluência desses rios.

O MBU é um dos poucos mapas, possivelmente o único mapa neerlandês coevo, a plotar este Forte fora da ilha.

A sua ubicação é na zona urbana de Porto Calvo-AL, em seu ponto mais elevado, o cume do monte onde hoje está o Hospital Municipal São Sebastião, e sua posição era praticamente desconhecida até que as pesquisas arqueológicas solicitadas pelo IPHAN/AL permitiram, em 2014, a recuperação de sua posição, 369 anos após a sua destruição ocorrida logo após a reconquista definitiva de Porto Calvo em 17/09/1645.

Citações:

(Barléu, 1647):

Imagens mostrando a situação em 1637, à época do ataque neerlandes:

@ prancha #7 PORTUS CALVUS, planta detalhada das edificações na ilha fluvial, incluindo as fortificações.

@ prancha #8 OB∫IDIO ET EXPUGNATIO PORTUS CALVI, vista do ataque, detalhada com a letra A, «Ca∫trum Povacon.».

Os montes onde está a atual cidade de Porto Calvo-AL estão desenhados ao fundo e à direita, e no mais distante está assinalado com a letra I, «Ca∫ella duo hosti derelicta.».

@ pg. 144:

"Guardamos Porto Calvo com um forte que tem nome de bom agouro — Boaventura. Assentado no cume de um alcantil, a quarenta pés de altura, é resguardado por fossos, bastidas e coiraça e tem sete canhões de bronze, um de ferro e dois pedreiros. (208)".

(Nassau-Siegen; Dussen; Keullen - 1638), pg. 120:

"O forte que se segue é o de Porto Calvo. Depois da conquista foi muito fortificado, mas ficou tal como era antes, muito irregular, e se faz mister cercá-lo de uma contra-escarpa com uma sólida palissada. Este forte conserva ainda toda a sua artilharia e quase toda a munição que nele foi encontrada, apenas fez-se retirar algumas peças que não eram necessárias e estavam desmontadas. Está pois bem provido de tudo, e guarnecem-no duas companhias de soldados. Este forte está assentado sobre um monte alto e isolado, e não há na vizinhança outros montes altos que o dominem; correm rios ao longo de dois dos seus lados. No forte há um poço com 18 braças de profundidade, construído com pedras de cantaria quadradas que se elevam desde o fundo até a borda, e fornece água excelente.".

(Dussen, 1640):

@ pg. 205:

"Segue-se mais ao Sul o Forte Bom Sucesso, na Povoação do Porto Calvo: trata-se de um bom forte, situado no alto de um outeiro, de mais de 40 pés de altura a contar do fosso, muito escarpado. Para ficar assegurada a estabilidade da muralha há, na parte exterior, de 14 em 14 pés, uma berma; tem um fosso profundo, uma forte palissada e uma forte contra-escarpa. Contam-se 7 peças de bronze, a saber: 2 de 24 lb, 1 de 18 lb, 1 de 22 lb, 1 de 10 lb, 1 de 8 lb, 1 de 5 lb, uma peça de ferro de 6 lb e 2 pedreiros com suas câmaras, todas peças espanholas. ".

@ pg. 214:

"GUARNIÇÕES

...

Em Porto Calvo 4 companhias com 380 homens, a saber:

Companhia do Cap. Philip Andries ...103

Idem Cap. Kier ... 76

Idem de Malburch ... 68

Idem de Lambartsen ... 133

_________

380".

►(Albuquerque; Lucena; Walmsley, 2014), na secção "Sistema de defesa assinalado na cartografia holandesa", estabelece a localização do Forte Porto Calvo:

@ pg.278-280, demonstra-se como o Forte, pela pesquisa em campo, foi reposicionado da posição assinalada na versão 1.0 de (Pereira, 2010) Georreferenciamento, fruto de interação entre a equipe de arqueólogos e o autor desse georreferenciamento.

@ pg. 282, "Defesas de Porto Calvo - pontos estimados", assinala-se o local desse forte, denominando-o 'Fortaleza'.

@ pg. 283, "Localização do forte (da igreja velha) cujos contornos foram avaliados com base no traçado da cidade", assinala-se a posição dessa fortificação secundária do sistema de defesa de Porto Calvo.

@ pg. 284, "Forte de Porto Calvo (igreja velha)", apresenta quatro fotografias da situação do Forte, no ponto culminante na linha do horizonte, onde hoje está o Hospital Municipal São Sebastião.






Citação deste verbete
Autor do verbete: Levy Pereira
Como citar: PEREIRA, Levy. "Fort Pº Calvo". In: BiblioAtlas - Biblioteca de Referências do Atlas Digital da América Lusa. Disponível em: http://lhs.unb.br/atlas/Fort_P%C2%BA_Calvo. Data de acesso: 14 de dezembro de 2019.


Baixe a referência bibliográfica deste verbete usando

BiblioAtlas recomenda o ZOTERO

(clique aqui para saber mais)



Informar erro nesta página