Ações

Inhambupe

De Atlas Digital da América Lusa

Inhambupe

Geometria Ponto

Histórico

Denominação Início Término
Freguesia de Inhambupe
Populacao > Freguesia
1718 1801
Inhambupe
Populacao > Vila
1801 1808

A localidade denominada Inhambupe, inicialmente se resumia a terras que pertenciam a Casa da Torre e a freguesia de Santo Amaro do Ipatinga. Entretanto em 1718, D. Sebastião Monteiro da Vide, Arcepisbo da Bahia, criou capela na região e a elevou à categoria de freguesia, que podem ser vistas como ações contra os protestos de Garcia de Avila.[1]

No ano de 1728, a freguesia foi elevada à categoria de vila, por ordem régia e suposta execução de Vasco Fernandes Cezar de Menezes. Porém sua instalação não ocorreu e foi prolongada até 1801, quando seus moradores requerendo ao El-Rei sobre a criação e instalação definitiva da Vila. O principal motivo de tal ação era a dificuldade e incômodo de buscar seus direitos na distante localidade de Água Fria.[2]

Em 26 de junho de 1801, El-Rei mandou erigir a vila que devidamente foi instalada em 13 de março de 1802.[3]


Referências

  1. PINTO, Alfredo Moreira. Apontamentos para o diccionario geographico do brasil. Rio de janeiro: Impr Nacional, 1894. 3 v
  2. PINTO, Alfredo Moreira. Apontamentos para o diccionario geographico do brasil. Rio de janeiro: Impr Nacional, 1894. 3 v
  3. PINTO, Alfredo Moreira. Apontamentos para o diccionario geographico do brasil. Rio de janeiro: Impr Nacional, 1894. 3 v



Citação deste verbete
Autor do verbete: Manoel Rendeiro
Como citar: RENDEIRO, Manoel. "Inhambupe". In: BiblioAtlas - Biblioteca de Referências do Atlas Digital da América Lusa. Disponível em: http://lhs.unb.br/atlas/Inhambupe. Data de acesso: 15 de dezembro de 2018.



Baixe a referência bibliográfica deste verbete usando

BiblioAtlas recomenda o ZOTERO

(clique aqui para saber mais)

Informar erro nesta página