Ações

Itapoâ (aldeia de índios)

De Atlas Digital da América Lusa

Coleção Levy Pereira


Itapoâ

Aldeia de índios (brasilianos), na cabeceira do 'Itapoâ' (Riacho Itapuá), afluente m.d. do 'Paraiba' (Rio Paraíba).


Natureza: aldeia de índios.


Mapa: PRÆFECTURÆ DE PARAIBA, ET RIO GRANDE.


Capitania: PARAIBA.


Nomes históricos: Aldeia Itapoâ (Tapoa, Itapoá) ou Urekutuwa (Urecutuva), e, possivelmente, a Aldeia Tapuia citada, acredita-se, com algum erro de grafia, por Van der Dussen.

A associação de Tapoâ com Tapuia baseia-se na semelhança da grafia das palavras e na constatação de que os índios Tapuias não constituíam aldeias, e abrigavam-se em acampamentos temporários.


Nome atual: não há mais aldeia na área.

  • Possivelmente estava localizada no atual povoado Pituaçú - vide mapa IBGE Geocódigo 2515005 SAO MIGUEL DE TAIPÚ - PB.

Citações:

►Mapa PB (IAHGP-Vingboons, 1640) #49 CAPITANIA DE PARAYBA, plotada como aldeia de brasilianos, 'A. Tapoa'.

►Mapa PB (Orazi, 1698) PROVINCIA DI PARAIBA, plotada como 'Tapoa' e símbolo de aldeia, na m.d. do riacho sem nome, afluente m.d. do 'R. Parayba'.

(Herckmans, 1639), pg. 21-22 :

"... Por junto dele corre um pequeno rio chamado Itapuá, que vai ter no Paraíba. Tira o nome de uma pedra ponteaguda (poi Itapia significa pedra pontuda) que est´pa defronte deste pequeno rio no Paraíba. A meia légua do engenho (Engenho Itapuá) para o sul se acha uma aldeia de índios que tem o mesmo nome. É aí que o pequeno rio tem seu começo, originando-se de vários veios d'água que se congregam.".

►Citada como Aldeia Tapoa ou Urecutuva pelo Pe. Manoel de Moraes, em 1635, na sua relação de aldeias de brasilianos na Paraíba informada aos neerlandeses, conforme:

- Notas de C. Fernandes Pinheiro, Brasil Bandecchi e Leonardo Arroyo, in (Southey, 1810), Notas do capítulo IV, pg. 207:

"43 ...; Tapoa ou Urekutuwa, a boas dez milhas da cidade (Nossa Senhora das Neves, chamada de Paraíba nesta nota), para as cabeceiras do rio; ...".

- (Vainfas, 2008), pg. 72:

"Na Paraíba, nomeou ... a aldeia de Tapoa ou Urecutuva, com seu chefe Francisco Gopeka, distante cerca de dez léguas (sessenta quilômetros) da cidade, na altura das cabeceiras do rio Paraíba, próxima ao engenho de Antônio Valadares, onde Manoel se havia "rendido" aos holandeses; ...".

  • Nota: As duas citações acima tem fonte primária no livro de Joannes de Laet, História ou Anais dos Feitos da Companhia das Índias Ocidentais, desde o começo até o fim do ano de 1636 (editio priceps - 1644).

(Dussen, 1640):

@ pg. 183, definindo a função do capitão holandês nas aldeias:

"Além do capitão brasiliano, foi posto em cada aldeia um capitão holandês que os regem a eles e aos seus principais; a sua maior atribuição é animá-los para o trabalho e dirigi-los na melhoria das plantações e conceder-lhes permissão para trabalhar para senhores de engenho, verificando que não sejam vítimas de enganos e que o seu trabalho lhes seja pago. ".

@ pg. 184, esclarecendo que a população masculina recenseada se constitue de:

"... homens, tanto velhos quanto jovens, aptos para a guerra ou inaptos, excluídas as mulheres e crianças, as quais estão em proporção, com relação aos homens, de, no mínimo, 3 para 1. ".

@ pg.185, indicando o nome do capitão holandês e a população masculina dessa aldeia:

"ALDEIAS NA PARAÍBA

Aldeia Tapuia, Capitão Jan Gerritsz 68".

►Nótulo, com a Ata e as propostas da Assembléia Indígena, datadas de 30/03/1645, realizadas na Aldeia Tapisserica, com as resoluções do Supremo Conselho, apostiladas em 11/04/1645, apud (Souto Maior, 1912):

Essa aldeia, nessa Assembléia, é:

  • Citada com a grafia Tapoa;
  • Representada por um grupo e elege dois escabinos (uma dupla por grupo) para a Câmara de brasilianos da Capitania da Paraíba, com sede na Aldeia Maurícia, e que que congrega as Aldeias Maurícia, Miageriba, Pontado, Goaragoasu e Tapua;
  • Capitaneada por Jorge Caldeiro.

(Sampaio, 1904), pg. 33:

"ITAPOA — aliás Itapoã, que procede de Itá-poã, significando, na verdade, pedra levantada ou erguida e só, por figura, pedra pontuda, como o traduziu Herckman, à pag. 256.".

(Câmara Cascudo, 1956), pg. 219:

"Os quinhentos quilômetros do Paraíba figuram na sexta parte. O rio se apresenta bruscamente, sem serras e lagoas, apenas com afluente da esquerda, o Itapuã, com engenho e uma aldeia selvagem em sua possível cabeceira.".






Citação deste verbete
Autor do verbete: Levy Pereira
Como citar: PEREIRA, Levy. "Itapoâ (aldeia de índios)". In: BiblioAtlas - Biblioteca de Referências do Atlas Digital da América Lusa. Disponível em: http://lhs.unb.br/atlas/Itapo%C3%A2_(aldeia_de_%C3%ADndios). Data de acesso: 31 de março de 2020.


Baixe a referência bibliográfica deste verbete usando

BiblioAtlas recomenda o ZOTERO

(clique aqui para saber mais)



Informar erro nesta página