Ações

Coandĩ (rio/PARAIBA)

De Atlas Digital da América Lusa

(Diferença entre revisões)
(Criou página com 'Coleção Levy Pereira Coandĩ '''Natureza:''' rio '''Mapa:''' PRÆFECTURÆ DE PARAIBA, ET RIO GRANDE '''...')
 
m (Substituindo texto ' {| . | align="center" style="background:#f4d485;"|'''''Citação deste verbete''''' |- |- | '''Autor do verbete:''' Levy Pereira '''Como citar:''' PEREIRA, Levy . "Substituir texto". In: BiblioAtlas - Biblioteca de Referências do A)
Linha 64: Linha 64:
  
  
{{citacao1}} Levy Pereira{{citacao2}} PEREIRA, Levy {{citacao3}}
+
{{Citar|nome=Levy|sobrenome=Pereira}}
 +
 
 +
{{Ref|nome=Levy|sobrenome=Pereira}}
 +
 
 +
[[Category: Coleção Levy Pereira]]

Edição de 12h53min de 7 de janeiro de 2013

Coleção Levy Pereira


Coandĩ


Natureza: rio


Mapa: PRÆFECTURÆ DE PARAIBA, ET RIO GRANDE


Capitania: PARAIBA

Rio afluente m.e do 'Mongaguaba' (Rio Mamanguape).

Nome histórico:' Coandĩ (Coandi, Quandu).


Nome atual: Rio Quandu ou Rio Guandu.


Nota:

O 'Coandĩ' no BQPPB está com o nome trocado com o riacho 'Nanaĩ' (riacho Nanaú ou Munaú).

O nome 'Nanaĩ' no BQPPB está escrito no tributário do Mamanguape e o nome "Coandĩ" (Quandu) no afluente do Nanaĩ', ou seja, as posições das grafias dos nomes estão trocadas.

Há dois argumentos para comprovação:

1) Os mapas atuais plotam o Rio Quandu-Guandu como tributário do Mamanguape;

2) Herckmans descreve a região colocando o Quandu como afluente do Mamanguape e Nanaú como afluente do Quandu.

====Etimologia==== Coandĩ, termo de origem tupi, combinação de cuandu-ĩ, onde cuandu, o ouriço cacheiro, e ĩ, água, rio - rio do cuandu, rio do ouriço cacheiro.

Citações

►(Herckmans, 1639), pg 28:

"Do Itapororoca meia légua ao oés-sudoeste pelo Mamanguape acima , sai na margem setentrional o rio Quandu.

...

Duas léguas da confluência do Mamanguape e Quandu ao noroeste e oés-noroeste pelo Quandu, acima, vem do oés-sudoeste lançar-se neste último o Nanaú (Mandaú). ".

►(Câmara Cascudo, 1956), pg. 225:

"Apenas, abaixo do Nanai, na confluência com o Mamanguape, vê-se um curral dos Padres de São Bento, que são frades. Nada mais...

No Coandi (Coandú), tributário do Nanai, ausência de tudo.".

Vide observação acima - consideramos o Nanai tributário do Coandu por erro no BQPPB.

►(Margrave, 1648), pg. 233-234, descreve o mamífero Cuandu:

"CUANDU (termo indígena). Ouriço Cachieiro (em portugues), eenysen Vercken (em flamengo). ...".






Citação deste verbete
Autor do verbete: Levy Pereira
Como citar: PEREIRA, Levy. "Coandĩ (rio/PARAIBA)". In: BiblioAtlas - Biblioteca de Referências do Atlas Digital da América Lusa. Disponível em: http://lhs.unb.br/atlas/Coand%C4%A9_(rio/PARAIBA). Data de acesso: 18 de setembro de 2019.


Baixe a referência bibliográfica deste verbete usando

BiblioAtlas recomenda o ZOTERO

(clique aqui para saber mais)



Informar erro nesta página