Ações

Nossa Senhora da Conceição de Itanhaém

De Atlas Digital da América Lusa

Nossa Senhora da Conceição de Itanhaém

Geometria Ponto

Histórico

Denominação Início Término
Nossa Senhora da Conceição de Itanhaém
Populacao > Povoação
depois de 22/04/1555 1561
Nossa Senhora da Conceição de Itanhaém
Populacao > Vila
1561 1624
Franciscanos
1654 1808
Nossa Senhora da Conceição de Itanhaém
Populacao > Vila
1709 1718
Nossa Senhora da Conceição de Itanhaém
Populacao > Vila
1718 1808

A Vila de Itanhaém, conhecida também por Vila de Nossa Senhora da Conceição de Itanhaém, foi elevada a vila em 1561 por Francisco de Morais.

Madre de Deus, no livro Memórias para a História da Capitania de São Vicente, afirma que, apesar do que diziam, a vila de Nossa Senhora da Conceição de Itanhaém não foi fundada por Martim Afonso de Sousa, já que o donatário saiu de São Vicente em 1533 e aos 22 de abril de 1555 ainda não existia povoação no território que depois estaria localizada a vila de Itanhaém [1]. Frei Gaspar aponta que, em abril de 1561, Itanhaém passou de povoação para a classe de vila e que tal vila foi criada por Francisco de Morais, loco-tenenete de Martim Afonso de Sousa[2].

Como resultado do litígio entre as Casas de Vimieiro e Monsanto e a expulsão da Condessa de Vimieiro D. Mariana de Sousa Guerra de suas vilas de São Vicente, de Santos, de São Paulo e de Mogi das Cruzes, a Vila de Itanhaém' em 1624 foi condecorada como cabeça de capitania, depois da Condessa de Vimieiro D. Mariana de Sousa Guerra ter sido expulsa de suas vilas [3]. A partir desta data os domínios da condessa de Vimieiro passaram a ser conhecidos como Capitania de Itanhaém e os territórios do conde de Monsanto ficaram sendo chamados de Capitania de São Vicente [4].


Referências

  1. Gaspar da Madre de Deus. Memórias para a história da Capitania de São Vicente. Brasília: Senado Fedreal, 2010. p.123
  2. Gaspar da Madre de Deus. Memórias para a história da Capitania de São Vicente. Brasília: Senado Fedreal, 2010. p.124
  3. LEME, Pedro Taques de Almeida Paes. História da Capitania de São Vicente. Brasília: Senado Federal, 2014. p.101
  4. SILVA, Maria Beatriz Nizza da; BACELLAR, Carlos de Almeida Prado; GOLDSCHMIDT, Eliana Maria Rea; NEVES, Lucia Maria Bastos Pereira Das (Org). História de São Paulo colonial. São Paulo: Editora UNESP, 2009.



Citação deste verbete
Autor do verbete: Lana Sato
Como citar: SATO, Lana. "Nossa Senhora da Conceição de Itanhaém". In: BiblioAtlas - Biblioteca de Referências do Atlas Digital da América Lusa. Disponível em: http://lhs.unb.br/atlas/Nossa_Senhora_da_Concei%C3%A7%C3%A3o_de_Itanha%C3%A9m. Data de acesso: 15 de dezembro de 2018.



Baixe a referência bibliográfica deste verbete usando

BiblioAtlas recomenda o ZOTERO

(clique aqui para saber mais)

Informar erro nesta página