Ações

Vila Nova do Campo Maior de Quixeramobim

De Atlas Digital da América Lusa

Vila Nova do Campo Maior de Quixeramobim

Geometria Ponto

Histórico

Denominação Início Término
Vila Nova do Campo Maior de Quixeramobim
Populacao > Vila
1789 depois de 1808

No ano de 1704, foram concedidas por Carta Régia muitas léguas de terras a vários portugueses e, entre eles, ao português Antônio Dias Ferreis. Além da que lhe foram concedidas, adquiriu este, boas terras as margens do rio que o gentio chamava de Ibu, proximidades da sua casa de morada, uma pequena capela, sob invocação de Santo Antônio de Pádua, mais tarde Santo Antônio do Quixeramobim [1]. Em virtude da Ordem Régia de 2 de julho de 1766, expedida ao Governador de Pernambuco, foram criadas as vilas de Soure,Russas, Tauá e a de Quixeramobim. Em 1789, a 10 de janeiro, foi proposta, pelo Ouvidor do Ceará – Manuel Magalhães Pinto e Avelar de Barbedo, a elevação em vila da povoação de Santo Antônio de Quixeramobim, tendo sido expedida, pelo capitão-general d. Tomaz José de Melo, ordem nesse sentido a 20 de fevereiro seguinte, devendo a vila ter o nome de Vila Nova do Campo Maior de Quixeramobim [2].


Referências

  1. IBGE – Cidades
  2. GIRÃO, Raimundo. MARTINS FILHO, Antônio. O ceará. Fortaleza: Editora Fortaleza, 1ª Ed, 1939, pág. 327



Citação deste verbete
Autor do verbete: Reginaldo Correia
Como citar: CORREIA, Reginaldo. "Vila Nova do Campo Maior de Quixeramobim". In: BiblioAtlas - Biblioteca de Referências do Atlas Digital da América Lusa. Disponível em: http://lhs.unb.br/atlas/Vila_Nova_do_Campo_Maior_de_Quixeramobim. Data de acesso: 15 de dezembro de 2018.



Baixe a referência bibliográfica deste verbete usando

BiblioAtlas recomenda o ZOTERO

(clique aqui para saber mais)

Informar erro nesta página